TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

03
Set 19

E quem de 13

EBiP28pU4AEOs9U.jpg

tira 7, deixa 6, que são só os candidatos finais ao prémio dos prémios.

EDh3MNvWwAAhO9e.jpg

Margaret AtwoodLucy EllmannBernardine EvaristoChigozie Obioma, Salman Rushdie e Elif Shafak. É este o lote de nomes que se habilitam seriamente a ganhar um dos mais cobiçados prémios literários do ano.

Dia 14 de Outubro cá estarei para dar conta do ou da galardoado(a) que irá receber as £50,000 e, naturalmente, o reconhecimento mundial nos dias que se seguirão.

Tudo ao detalhe, aqui: https://thebookerprizes.com/news/2019-shortlist-has-been-announced?fbclid=IwAR1e_Y6892hgk1wG0vT0hTf29Wh9hqdMrBTBgvluGkaIYPEK60Qu0PdpK9Y

publicado por migalhas às 20:00

24
Jul 19

190722 Longlist book stack_website image.png

 

A lista longa, em número de 13 finalistas, acaba de ser anunciada. Muitos nomes já consagrados integram a lista deste ano e também por isso se prevê uma discussão bem mais renhida. 

A 3 de Setembro esta lista encolhe e passa a 6 e talvez aí já se consiga imaginar um final para a versão deste ano deste que é um dos mais consagrados prémios literários da actualidade.

Saibam pormenores aqui: https://thebookerprizes.com/booker-prize/news/2019-booker-prize-longlist-announced 

 

publicado por migalhas às 20:00

09
Abr 19

56571199_2679942378685945_8814935516181954560_n.pn

 

Foi revelada nesta terça-feira, 9 de Abril, a lista dos seis livros finalistas ao prémio Man Booker International Prize de 2019. Um galardão que celebra os melhores trabalhos de ficção traduzida de todo o mundo. O prémio de £ 50.000 para o livro vencedor será dividido igualmente entre o seu autor e o respectivo tradutor. Só para relembrar que o vencedor do prémio deste ano será anunciado a 21 de Maio, em Londres. Até lá, concentremos atenções nestes 6 tentando adivinhar qual deles irá receber a melhor das recompensas.

Assista aqui ao vídeo de anúncio dos 6 finalistas: https://www.youtube.com/watch?time_continue=14&v=NqYYD-nyj-E

publicado por migalhas às 12:00

13
Mar 19

190312 Longlist book stack_0.png

 

O Man Booker Internacional Prize revelou hoje, Quarta-feira, 13 de Março, os 13 romances em disputa pela edição de 2019 deste consagrado prémio da literatura, que anualmente celebra os melhores trabalhos de ficção traduzida de todo o mundo.

O prémio é concedido todos os anos a um livro que tenha sido traduzido para inglês e publicado no Reino Unido e na Irlanda. Autores e tradutores são considerados igualmente importantes, sendo por isso o prémio de £ 50.000 dividido entre eles. Além disso, cada autor e tradutor pré-selecionado receberá £ 1.000.

A shortlist de seis livros será anunciada no dia 9 de Abril, num evento na Somerset House em Londres, e o vencedor do prémio de 2019 será finalmente conhecido a 21 de Maio, num jantar no Roundhouse em Londres.

Mais pormenores aqui: https://themanbookerprize.com/international/news/2019-longlist-announced-man-booker-international-prize

publicado por migalhas às 12:00

17
Out 18

181009 Winner-graphic milkman.png

 

É verdade. Um dos mais apetecíveis prémios literários do ano foi desta vez para uma mulher, de seu nome Anna Burns, autora de Milkman (romance editado pela Faber & Faber). A vencedora deste ano do Man Booker Prize tem 56 anos e é a primeira escritora da Irlanda do Norte a vencer o prémio literário, um dos mais importantes de língua inglesa, que celebra este ano o seu 50º aniversário. Refira-se ainda que desde 2013, ano em que a neo-zelandesa Eleanor Catton levou de vencida a concorrência com o seu romance The Luminaries, que uma mulher não alcançava tamanho feito.

Vamos agora aguardar pela edição deste e dos restantes finalistas, que, segundo Guildhal, o presidente do júri, todos eles foram capazes de "nos levar para lá da nossa zona de conforto, de tal forma que somos capazes de já não conseguir regressar". "Estes livros falam muito do nosso tempo, mas acreditamos que são capazes de perdurar", disse ainda.

Outros membros do júri classificaram ainda os seis finalistas deste ano como "muito inovadores, brilhantes, desafiantes e muito difíceis em certos momentos, mas de uma forma que nos faz sentir bem". "Todos quebram barreiras, todos nos fazem pensar acerca de coisas sobre as quais talvez nunca tenhamos pensado antes". "Falam de coisas sobre as quais apenas podemos falar agora. O tema recorrente é diferentes tipos de trauma, quer seja em relação ao ambiente ou em relação à mente".

Aguardemos e, até lá, boas leituras.

publicado por migalhas às 12:00

15
Set 17

ficccca7acc83o-2.jpg

 

De volta às rotinas, há quem lhe chame rentrée, aqui fica o que vai tornar os nossos dias literários mais entusiasmantes até ao final deste ano. Do corrente Setembro a Dezembro próximo, muitas edições de títulos novos, e alguns mais antigos, irão decorar as montras das livrarias e servir de tentação a este nosso gosto pelos livros. Vamos aos poucos, pois a escolha é muita e o conteúdo da carteira, infelizmente, não dá para todos os que aqui vai poder descobrir http://observador.pt/especiais/rentree-literaria-2017/

Bom regresso à rotina e excelentes leituras!

publicado por migalhas às 20:00

23
Jun 17

500_9789722049603_teoria_geral_do_esquecimento.jpg

 

O livro do escritor angolano José Eduardo Agualusa, “Teoria Geral do Esquecimento”, editado pela Dom Quixote em Portugal em 2012 e que já havia sido, em 2016, finalista do Man Booker International Prize, foi agora distinguido com o prémio literário internacional de Dublin, pela tradução inglesa desta sua obra. Esta conta a história de uma mulher que fica presa na sua casa em Luanda no período de transição entre o colonialismo e a independência e que procura sobreviver “ao medo do outro, ao absurdo do racismo e da xenofobia”. Mais uma boa razão para o ler, ou reler. Parabéns a ele e, uma vez mais, à literatura de língua portuguesa.

publicado por migalhas às 20:00

11
Jan 17

Lanzarote de Michel Houellebecq.jpg

 

«Podemos muito bem viver sem esperar nada da vida; até é o que acontece mais frequentemente. De uma maneira geral, as pessoas ficam em casa, contentes por o seu telefone nunca tocar; e, quando o telefone toca, deixam o atendedor automático ligado. Não haver notícias é uma boa notícia. De uma maneira geral, é assim que as pessoas são. E eu também.»

Antevendo um final de ano a tender para o miserável, o nosso narrador - um alter-ego desencantado de Michel Houellebecq - decide começar o novo ano com umas férias na ilha de Lanzarote, um lugar árido e inóspito, que o receberá, e à sua ironia e acidez, de braços abertos.
Na companhia de um inspector de polícia luxemburguês taciturno e deprimido e com a ajuda de duas joviais alemãs adeptas do nudismo e das carícias sem pudor na praia, o nosso cínico em fuga dá largas ao seu hedonismo e analisa o espécime turista em acção numa paisagem tão agreste quanto as suas observações clínicas.

publicado por migalhas às 18:30

09
Jan 17

9781627794466.jpg

 

Ano novo, grandes e boas novidades. O novo romance de Paul Auster, "4 3 2 1", vai ser publicado em Portugal, no próximo dia 31, em simultâneo com as edições de língua inglesa, anunciou fonte editorial. Esta é uma grande notícia, principalmente porque “4 3 2 1” é o primeiro romance de Paul Auster em sete anos. Ou seja, desde “Sunset Park”, publicado em 2010, que PA não nos brindava com aquilo que de melhor sabe fazer. São mais de 800 páginas (sim, leram bem!) de uma obra que é já considerada "a criação de um autor no auge do seu talento, um testemunho de paixão pelo realismo, pela história e a própria vida". Vamos agora contar os dias e esperar por esta tão aguardada edição.

 

Leiam tudo aqui: http://observador.pt/2017/01/04/novo-romance-de-paul-auster-4-3-2-1-e-publicado-no-proximo-dia-31/

publicado por migalhas às 20:00

08
Jul 16

19739639_UhoIz.png

 

Na passada sexta-feira, o Centro Nacional de Cultura deu início à publicação daquilo a que chamou de Folhetim de Verão 2016. Trata-se de um romance, neste caso um policial, cuja curiosidade maior é o facto de ser escrito por dez autores portugueses. “Um estranho enigma” é o título e será então escrito a várias mãos, 10, neste caso. Em termos de mecânica, cada um vai continuar a parcela da história que o anterior escritor deixou pendente, sem saber quem o escreveu, e os leitores podem assistir ao desenrolar do enredo à medida que o mesmo vai sendo escrito. Os capítulos disponibilizados no site do CNC não estão identificados: nem os leitores, nem os escritores convidados conhecem a autoria dos textos. Apenas no final serão desvendados todos os pormenores. Hoje, dia 8, será publicado o segundo capítulo. Vamos seguir?

 

Toda a notícia num dos seguintes links: 

http://observador.pt/2016/07/06/este-romance-e-de-dez-escritores-um-por-capitulo/

ou 

http://rr.sapo.pt/noticia/57979/dez_autores_portugueses_escrevem_policial_na_net_e_todo_o_mundo_pode_ler

 

e o primeiro capítulo deste romance/policial pode ser acompanhado aqui:

http://e-cultura.blogs.sapo.pt/um-estranho-enigma-capitulo-i-477100

publicado por migalhas às 20:00

Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
facebook
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO