TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

27
Jun 19

imageaf745fd0-dc1f-4e9e-a13c-030f68cdd09e.jpg

 

Após vencer o  com a obra "Milkman" () Anna Burns vence também, e com a mesmíssima obra, o  for Political Fiction. Um 2 em 1 que só espelha a qualidade do que aqui parece estar em jogo. Que seja rapidamente traduzido e editado por cá, para também nós nos podermos deliciar com esta pérola.

 

Aqui os anúncios: https://twitter.com/TheBookerPrizes/status/1143827603037523969?s=07

https://twitter.com/TheOrwellPrize/status/1143596906439991296

 

publicado por migalhas às 20:00

06
Jun 19

350x.png

 

O romance de Tayari Jones conta a história de Celestial e Roy, recém-casados cujas vidas são viradas do avesso quando Roy é sentenciado a 12 anos de prisão por uma violação que não cometeu. Ainda que Celestial acredite na sua inocência, dá por si a encontrar o conforto necessário no seu amigo de infância, Andre. Cinco anos depois, a condenação de Roy é revogada e ele volta a casa. 

A obra destacou-se de uma shortlist de seis livros que, entre outros, incluía não só a vencedora do Man Booker Prize 2018, Anna Burns e o seu livro Milkman, mas também o livro mais recente de Pat Barker, The Silence of the Girls, galardoada em 1995 com o mesmo prémio. 

Aclamado por figuras como Barack Obama e Oprah Winfrey, o galardão, no valor de £30,000, foi ontem anunciado. 

 

Fonte: bertrandptsomoslivros.blog

publicado por migalhas às 17:40

22
Mai 19

60813299_2752584951421687_6211950799526821888_n.pn

Jokha al-Harthi - Celestial Bodies.jpg

 

Está entregue o grande prémio deste ano: Jokha Alharthi, a primeira romancista de origem omanense traduzida para o inglês, ganhou o Internacional Man Booker de 2019 com o seu romance "Celestial Bodies". O romance foi traduzido do árabe por Marilyn Booth.

 

"Celestial Bodies"

Jokha Alharthi

Translated by Marilyn Booth from Arabic

Published by Sandstone Press

Celestial Bodies is set in the village of al-Awafi in Oman, where we encounter three sisters: Mayya, who marries Abdallah after a heartbreak; Asma, who marries from a sense of duty; and Khawla who rejects all offers while waiting for her beloved, who has emigrated to Canada. These three women and their families witness Oman evolve from a traditional, slave-owning society which is slowly redefining itself after the colonial era, to the crossroads of its complex present. Elegantly structured and taut, it tells of Oman’s coming-of-age through the prism of one family’s losses and loves.

 

Assista aqui ao anúncio das vencedoras feito ao vivo em Londres: https://www.facebook.com/ManBookerPrize/videos/368236393813046/?__tn__=%2Cd%2CP-R&eid=ARAXgiS38sVL5r6XPaLJDyUMhUTR3zx-TJIsdAhsz9nBP1fbKBAWxBn7Ta1yEDqE5cJDp7xJHl7yQ7hA

publicado por migalhas às 20:00

Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

facebook
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO