TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

30
Nov 18

A-Historia-de-Uma-Serva.jpg

 

Uma visão marcante da nossa sociedade radicalmente transformada por uma revolução teocrática. "A História de Uma Serva" tornou-se um dos livros mais influentes e mais lidos do nosso tempo. Extremistas religiosos de direita derrubaram o governo norteamericano e queimaram a Constituição. A América é agora Gileade, um estado policial e fundamentalista onde as mulheres férteis, conhecidas como Servas, são obrigadas a conceber filhos para a elite estéril.

Este é o enredo de um dos livros que mais polémica gerou nos tempos mais recentes e que viu-se inclusive adaptado a "série televisiva demasiado perturbadora até para a própria autora".

Símbolo da resistência feminina no século XXI, este livro de culto vai ter agora uma sequela, 34 anos após a sua edição, Segundo a autora canadiana, esta continuação foi "inspirada no mundo em que temos estado a viver” e intitula-se The Testaments, tendo edição prevista para Setembro de 2019.

https://www.thebookseller.com/news/atwood-release-sequel-handmaids-tale-2019-901426#

Como nota final, a pertinente questão por muitos posta e que não deixa de ter, ou ter tido, alguns paralelos reais no decurso da história da humanidade, nem sempre, ou muitas vezes, dada a pouca humanidade. E se a história de The Handmaid’s Tale fosse verdadeira?

https://www.comunidadeculturaearte.com/e-se-a-historia-de-the-handmaids-tale-fosse-verdadeira/

publicado por migalhas às 20:00

19
Nov 18

3000827.jpg

 

Sem saber ler nem excrever, fui dar com esta relíquia que desconhecia por completo. Um incursão pela BD deste intrépido e viajante chefe de cozinha que percorria o mundo atrás dos melhores e mais exóticos petiscos. O género é o horror e mais horrorizado fiquei quando pensei que me poderia ter passado completamente ao lado, pois a edição é americana e não consta que haja previsões de uma edição portuguesa para breve. A ver vamos. Editado em Setembro de 2018 pela americana Dark Horse Comics, ou seja, dois meses passados sobre a sua morte, este belíssimo livro apresenta ainda, para além dos estranhos contos de medo e comida um pouco de todo o mundo, um conjunto de  receitas totalmente novas e originais preparadas por Bourdain e um guia para os espíritos lendários e fantasmagóricos por detrás desses contos horripilantes. Mais não digo, apenas que se trata de uma obra essencial para qualquer apreciador de boa e assustadora bd.

https://www.darkhorse.com/Books/3000-827/Anthony-Bourdains-Hungry-Ghosts-HC

publicado por migalhas às 12:00

12
Nov 18

42904338_2233999620213388_9035158641434427392_n.pn

 

Este já está em fila de espera para ser o próximo. Se foi considerado o Livro do ano para The Guardian, Financial Times, The Times Literary Supplement, Observer e The Daily Telegraph, bom, então a expectativa cresce a cada hora que me separa do início desta aventura pelo Reservatório 13. Em breve, muito em breve.

http://www.elsinore.pt/livros/reservatorio-13?fbclid=IwAR2eharZLCdql4IKmVMN1tL4twqShGDGpm7oh4S6eHF-M4s-Y07o2YOtLcU

publicado por migalhas às 12:00

10
Nov 18

Fome_150_229.jpg

 

Não há fome que não dê em fartura, diz o ditado. E é mesmo isso. O que aqui há uns anos era raridade por cá, hoje é um mar a perder de vista. Refiro-me à edição de livros fantásticos e de horror que, graças a editoras como a Saída de Emergência, hoje chegam até nós em quantidade e qualidade para nos proporcionar muitos e, quase sempre, bons momentos de leitura. É o caso deste Fome, editado em Junho deste ano, que nos oferece um relato tenso e fascinante sobre a trágica expedição no Oeste americano que levou a um dos maiores desastres da história da América. Numa narrativa sempre em crescendo, cativa do início ao fim, mostrando as dificuldades de uma época em que muitos se aventurarm pelo desconhecido, quantas vezes nunca dele regressando. Recomendo vivamente.

http://www.saidadeemergencia.com/produto/a-fome/

publicado por migalhas às 15:00

09
Nov 18

9789898869746.png

 

Com adaptação para filme prevista para dia 21 de Dezembro na Netflix (Bird Box, com Sandra Bullock no papel principal), com o galardão de Melhor Livro de Terror (Vencedor do prémio This is Horror) e com o sugestivo teaser a dizer-nos: "Não abra os olhos. Há algo terrível lá fora." era impossível passar-lhe ao lado. Devo admitir que foi um pouco às cegas que me atirei a ele, mas em boa hora o fiz. Se recomendo? Vivamente!

http://www.topseller.pt/livros/as-cegas

publicado por migalhas às 12:00

27
Jul 18

41lzVtKHUkL._SX258_BO1,204,203,200_.jpg

 

Para tudo há uma primeira vez e eis que chegou a de um romance gráfico se estrear entre os seleccionados para o Man Booker Prize.

"Sabrina", do norte-americano Nick Drnaso, faz assim as honras de pioneiro ao incluir-se pela primeira vez na lista de candidatos ao Man Booker Prize desde que este é atribuído, ou seja, 1969.

Será que as 50.000 libras do prémio irão para este estreante? Seria de facto uma estreia de sonho, mas para tal teremos de aguardar pelo próximo mês de Outubro, mais concretamente pelo dia 16, para conhecermos o título vencedor deste cobiçado prémio literário.

Até lá, fica desde já a grande curiosidade sobre este romance gráfico publicado pela Granta Books.

publicado por migalhas às 18:30

27
Jun 18

McGarvey-2018.jpg

 

"George Orwell would have loved this book".

Talvez por isso lhe tenha sido atribuído o prémio literário Orwell Prize for Books. Falo de "POVERTY SAFARI", de Darren McGarvey, também conhecido, para além de escritor, enquanto rapper e activista sob a designação de "Loki".

Este é o mais prestigiado prémio da Grã-Bretanha no que toca à escrita de carácter mais político, concedido anualmente pela Fundação Orwell ao livro que mais se aproxima da ambição do escritor inglês George Orwell de "transformar a escrita política numa forma de arte".

Aguardemos agora pela sua publicação local para, também nós, podermos desfrutar dos méritos que lhe valeram este importante prémio literário.

https://www.orwellfoundation.com/book-title/poverty-safari/

 

publicado por migalhas às 18:45

23
Abr 18

DML_2018_Cartaz_baixa_res.jpg

 

O Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril. Pretende anualmente promover o prazer da leitura e o respeito pelos livros e pelos seus autores.

Esta data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os homens oferecem às suas «damas» uma rosa vermelha de S. Jorge e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como Shakespeare, Cervantes e Garcilaso de la Vega, falecidos em abril de 1616.

A todos um excelente dia repleto de muita leitura.

publicado por migalhas às 11:30

26
Mar 18

12-melhores-livros-portugal-revista-estante-fnac.j

 

Comemora-se hoje o Dia do Livro Português, data criada pela Sociedade Portuguesa de Autores com o intuito de destacar a importância do livro, do saber e da língua portuguesa em todo o mundo.

E se tal acontece anualmente nesta data, é por que foi neste preciso dia, em 1487, que se imprimiu o primeiro livro em Portugal: o “Pentateuco”. Tal aconteceu em Faro, nas oficinas do judeu Samuel Gacon, na Vila-a-Dentro, e tratava-se de um livro escrito em hebraico.

Já o primeiro livro escrito em português foi impresso no Porto, dez anos depois, em 4 de janeiro de 1497. Produzido pelo primeiro impressor luso, Rodrigo Álvares, o livro tinha o título de “Constituições que fez o Senhor Dom Diogo de Sousa, Bispo do Porto”.

Fonte: www.calendarr.com

Em jeito de homenagem ao livro português, aqui fica uma eleição levada a cabo pela revista Estante onde se pretendeu escolher os 12 melhores livros portugueses dos últimos 100 anos. Leiam e boas leituras.

http://www.revistaestante.fnac.pt/os-12-melhores-livros-portugueses-dos-ultimos-100-anos/

 

publicado por migalhas às 11:00

30
Jan 18

350x.jpg

 

Vencedor do MAN BOOKER INTERNATIONAL PRIZE do ano passado, chega agora até nós esta "obra-prima curta e chocante em que o absurdo e o humor são usados para explorar os recantos mais sombrios da condição humana. Uma história de tortura psicológica e espiritual de dar cabo dos nervos, o tipo de história que é tão negra que a única defesa contra ela é o humor mais negro", segundo o The Sunday Times.

David Grossman coloca-nos assim perante a questão: Será que uma piada é só uma piada?
O premiado e internacionalmente aclamado autor de "Até ao Fim da Terra" apresenta-nos agora um romance sobre a vida de um cómico de stand-up, revelada no decorrer da performance de uma noite. Na dança entre humorista e público, com farpas voando de um lado para o outro, uma história mais profunda vai tomando forma - uma história que irá alterar a vida de muitos dos presentes. bertrand.pt

A ler, sem dúvidas.

publicado por migalhas às 20:00

Abril 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
facebook
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO