TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

17
Out 06

Quem tem cu, tem medo. Esta verdade indesmentível aplica-se a qualquer um, mas mais àqueles que sabem ter algo a esconder e que de alguma forma têm o rabo preso, por assim dizer. É engraçado como tudo vai dar ao ânus, salvo seja. Será alguma conspiração silenciosa contra este complexo bode expiatório do nosso corpo? Silenciosa para alguns, mas farta em ruídos e composições sonoras divagantes para aqueles outros que dominam a flatulência como se de uma arte se tratasse. Mas voltando ao tema que aqui me traz, já ninguém considera inocente a figura do senhor presidente dos EUA. Esse sim, terá n razões para se sentir ameaçado por todos os lados e mais alguns, que ele mesmo acabe por inventar. E terá sido precisamente isso que aconteceu, no momento em que ordenou a detenção de uma adolescente de 14 anos, posteriormente interrogada pelos serviços secretos dos EUA após ter publicado algumas ameaças ao senhor George W. Bush num site para jovens na Internet. Mesmo tratando-se de uma rapariga de apenas 14 anos, os agentes federais não foram de modas e vai de irromperam pela aula de Biologia a que Julia Wilson assistia na escola McClatchy de Sacramento, na Califórnia, levando-a para um interrogatório que durou 15 minutos. E todo este aparato por que Julia protestou contra a guerra e contra a política de Bush num fórum virtual, cuja página continha caricaturas do presidente dos EUA e mensagens ameaçadoras. Ora se este senhor – que agora se amedronta com simples adolescentes - vai de começar a mandar interrogar todos quantos até hoje já expuseram, seja de que forma for, opiniões divergentes às que regem a sua forma de agir no mundo, então é melhor desistir antes mesmo de começar. É que mesmo que fosse essa a sua intenção, nem duas vidas consecutivas dariam para sujeitar os milhões de contestatários à sua política a interrogatórios sumários de uns meros 15 minutos. Bastaria fazer as contas, para concluir que, se calhar, não será esta a forma que irá permitir ao dito senhor escapar com o cu à seringa. Mesmo continuando a deitar as culpas que todos os dias lhe atribuem para trás das costas, ele sabe que as que tem no cartório vão para lá das que lhe permitam sequer ambicionar a uma desculpa às portas do céu. E nem aquela sua cara de bebé chorão lhe irá valer do que quer que seja, na hora de prestar contas lá em cima. Bem sei que, com estas terríveis ameaças à sua integridade moral (será que tem?) e física, me arrisco a ser o próximo alvo de um interrogatório a seu mando. Por que neste mundo tudo se sabe e ninguém tenha a pretensão de estar a salvo dos serviços secretos que prestam contas diárias aos manda-chuvas que gerem os destinos do globo. Razão por que talvez este senhor, cada vez mais amedrontado e isolado no seu cantinho de poder instável e temporário, veja em tudo e em todos a ameaça que ele mesmo continua a querer infligir, mas de que não é o único conhecedor. Cá se fazem, cá se pagam. E esse é o seu verdadeiro medo. Saber se tem com que saldar a conta que lhe vão apresentar no fim da sua actuação nesta peça há tempo demais em cena.

publicado por migalhas às 11:15

Realmente, uma criança de 14 anos que ousa ter opinião é de facto uma ameaça para a maior super potencia do mundo!
Valha-nos Deus!!!
Não há cú para este homem!!
Marco a 17 de Outubro de 2006 às 11:58

Outubro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
14

15
19
20
21

22
24
25
27
28

29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO