TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

16
Out 06

Lembram-se da mais afamada cura para as irritantes crises de soluços que por vezes nos atormentam? Quem nunca passou pelo desespero destas contracções involuntárias e consecutivas e, subitamente, por obra e graça de um providencial susto pregado por um terceiro atento, ou já farto de nos ouvir, a coisa desaparece tão subitamente como surgiu? Não resulta sempre, mas quando acontece, benza-o Deus! Só que a história do susto, implica a presença de alguém que se proponha a proporcioná-lo. O que levanta a questão: e quando estamos sós e desamparados? Sem ninguém por perto, disponível para quase nos levar à morte com aquele susto milagroso. Haja esperança. Graças aos IG Nobels da Paz, prémios que distinguem o que é original e criativo, com o objectivo de despertar o interesse das pessoas pela ciência, medicina e tecnologia, existe agora um outro remédio para os soluços. Resultado de um estudo feito por israelitas e americanos, e que acabou por arrecadar o prémio na área da Medicina, ter soluços a sós não só tem solução como ainda é de todo conveniente. Por que, segundo estes estudiosos, quando eles aparecerem é só, imaginem, meter o dedo no cú! E já está! Os ditos deixam-nos em paz, até à próxima. Agora só gostava era de assistir ao método de estudo seguido por estes investigadores para chegarem a esta brilhante conclusão. Será que andavam lá pelo laboratório a meter o dedo no cú uns dos outros e a questionarem-se: “Já te passaram os soluços ou queres mais?” Grandes festas de ânus devem ter acontecido por aqueles lados. Resta saber se funciona mesmo, mais agora que depende apenas de nós pará-los. Claro que um terceiro continua a poder marcar presença, para quem goste e não se incomode com a técnica em si. Resta explicar ainda que os IG Nobels foram criados em 1991 e que todas as pesquisas são verdadeiras e publicadas em revistas científicas de prestígio, caso da publicação “Annals of Improbable Research”, que co-patrocina os prémios. “Anais de Pesquisas Improváveis”. Pois claro que sim, tem tudo a ver. Refiro ainda que entre os vencedores o destaque foi igualmente para um mecanismo que repele adolescentes - invenção de um galês que emite um som estridente inaudível para adultos, mas que irrita solenemente os adolescentes pondo-os a milhas! - e para um relatório que explica cientificamente a razão pela qual os pica-paus não ficam com dor de cabeça mesmo depois de horas seguidas a picar nos rijos troncos das árvores, e que venceu o galardão na categoria de Ornitologia. Como se pode comprovar, felizmente que em todo o mundo existem pesquisadores e estudiosos sempre atentos às necessidades de cada indivíduo ou prontos a saciar a sua curiosidade. Bem-hajam, homens da ciência!

publicado por migalhas às 11:32

Bem, há uma técnica de Shiatsu bem menos invasiva p acabar c os soluços..... basta carregar em 2 pontos do torax e PUF! Como q por milagre eles desaparecem. Com a vantagem de n ter q tirar as calças......
Ana a 17 de Outubro de 2006 às 10:54

Outubro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
14

15
19
20
21

22
24
25
27
28

29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO