TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

26
Jul 06

Ana Malhoa é uma conhecida intérprete da nossa praça que, se bem me recordo, começou em dueto com o seu velho pai, entoando em conjunto uma mão cheia de temas a que apenas os fiéis devotos de então davam a devida atenção. Como todas as meninas da sua idade, Ana Malhoa cresceu, libertou-se da imagem de menina do papá, tornou-se autónoma e começou a cantar para as crianças. Fazia espectáculos especiais para este público-alvo e consta que com razoável sucesso, a ver pela forma como era procurada. Mas Ana Malhoa continuou a crescer e até dessa imagem maternal ela se libertou. Mudou o seu estilo musical, mais adequado às novas tendências da moda, radicalizou o seu estilo pessoal e decidiu investir nas novas tecnologia. Concretizou o sonho de ter um site só seu e hoje este é um dos mais procurados, não só pelos seus fiéis seguidores, mas principalmente por uma legião de curiosos que ouviu dizer cobras e lagartos do dito espaço pessoal. Eu mesmo já me atrevi a visitá-lo e devo dizer que tomara muitas actrizes desses filmes menos aconselhados para a pequenada serem senhoras de um espaço como aquele. A jovem Ana Malhoa esmerou-se, há que o dizer. E pelo que vi, afirma-se de facto dotada em capítulos que extravasam o da própria interpretação musical. Parece-me que, agora sim, está lançada, talhada para o sucesso, principalmente no momento em que decide envergar vestes próprias dos primórdios do homem, e por que não dizê-lo também da mulher, traduzidas numas peças mínimas em padrão tigreza que fazem dela um autêntico animal à solta, imagino eu, difícil de domar. Percorrendo com um pouco mais de disponibilidade o seu recanto da world wide web, encontramos o que é suposto ser o ponto alto do mesmo: a zona reservada ao seu portfólio fotográfico. Mas porquê um espaço especial para este fim documental, se ao longo de todo o site o que não falta são visões, qual delas a mais desinibida e sensual, da moça em trajes cada vez mais diminutos e poses naturalmente provocadoras? Para tal não encontro resposta, embora acredito que, para uma boa parcela da clientela da Net, vê-la assim, naqueles tratos ousados, seja por si só uma resposta às suas preces. E é bom que satisfaçam a curiosidade agora, por que, ou muito me engano, ou em breve estaremos perante mais um espaço ao qual se poderá apenas aceder em troco de uma quantia mensal estipulada pela Ana Malhoa, agora definitivamente mulher feita. É claro que nessa altura, em que o site for pago, é justo que todos ambicionemos a ver algo ainda mais do foro pessoal desta voz inconfundível da nossa música pop. Olhar mais a fundo a sua intimidade, saber mais dos seus segredos, quem sabe mesmo fotos suas de como veio ao mundo. Mas apenas da época em que a Ana era tão só a menina do papá e da mamã e começava a dar os primeiros passos, não no mundo do showbizz, mas no mundo, propriamente dito. Até lá, e se dúvidas subsistissem, fica a prova de que estamos efectivamente perante um dos sites que mais procura suscita na actualidade. Basta deitar um olho à área das palavras mais pesquisadas no SAPO e lá está ela, a encabeçar a lista: Malhoa. A figura do momento presente, em forma de rica prenda. Para quem aprecie o género. Musical, entenda-se!

publicado por migalhas às 12:20

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Julho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
15

16
19
21
22

23
24
25
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
facebook
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO