TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

04
Jan 06
franzkafkaprag.jpg

Estive em Praga há coisa de 4 anos (se não me falha a memória) e tive então o privilégio de visitar a casa onde viveu Kafka e onde escreveu grande parte das suas obras. Na altura pude constatar as condições em que viveu este ilustre homem das letras e devo dizer que fiquei algo impressionado. Não contava com um espaço tão exíguo, uma habitação tão humilde e sem a presença de qualquer luxo, limitando-se a pouco mais do que a área de uma das pequenas divisões que hoje compõem qualquer apartamento dos nossos dias. Viveu carenciado, passou sérias dificuldades, foi um cidadão que sofreu na pele o rigor da época, o que talvez justifique a forma como transpôs para os seus textos o que lhe ia na alma. Mas adiante. O que aqui quero deixar hoje é algo que me agrada de sobremaneira, talvez por que tive contacto directo com o espaço onde ele se moveu. A notícia de que a Biblioteca de Franz Kafka foi reconstituída em Praga. Reconstituída de forma fiel, na mesma casa que o escritor habitava em Praga, a mesma que eu visitei aquando da minha estada na capital da República Checa. Em tempos reunida pelo alemão Herbert Blank, a colecção de livros de Kafka foi posteriormente adquirida pela Porsche, tendo a marca de automóveis doado toda a obra à Fundação Kafka, em Maio de 2002. Esta regressa agora ao seu local de origem, estando os 901 títulos em exposição ao público. Quem me dera voltar agora a Praga para revisitar a casa de Kafka. Desta vez com os livros que lhe serviram de leitura e de alento nas horas que ali passou, entregue apenas a si e à sua escrita.
publicado por migalhas às 09:45

Janeiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
facebook
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO