TUDO É ILUSÃO, DESDE O QUE PENSAMOS QUE PODEMOS AO QUE JULGAMOS QUE TEMOS.

19
Nov 04
Ouvi dizer que o prémio em jogo - acumulado de três semanas, diga-se - relativo à mais recente perdição do povo europeu, o Toto Milhões, ascende esta semana a 32 milhões de euros. Qualquer coisa como 6 milhões e quatrocentos mil contos da nossa moeda antiga. Perante este cenário quase que de oásis em pleno deserto, é de prever uma louca e desenfreada corrida aos quiosques e papelarias onde o mesmo pode ser registado, na esperança de que caia qualquer coisita. Este será seguramente o segundo passo, após o que eu considero ser o mais importante que é, tão só, o de escolher os algarismos e as respectivas letrinhas que coincidirão precisamente com aquelas que forem tiradas da tômbola amanhã, Sábado. Porque se nesta fase não optarmos pela combinação vencedora, então chapéu. Nada feito. E uma vez mais vamos ouvir falar de um sortudo qualquer que, algures em parte incerta nessa enorme Europa, logo foi escolher a sequência contemplada. Por isso, toca a concentrar hoje, sexta-feira, e deixar de lado tudo o resto, pois em causa pode estar a independência de um de nós. Eu aconselhava mesmo a tirarem o dia e a dedicarem-se exclusivamente ao estudo das possíveis combinações que possam gerar resultados. Depois, feita essa análise, aconselho a que assaltem uma dependência bancária - mas uma onde haja grande circulação de valores - para que assim consigam um fundo capaz de vos permitir registar a quantidade de boletins aconselhados para quem quiser acertar pela certa. Feito isto - e não se deixando influenciar pelas críticas azedas de quem na fila aguarda pacientemente pela sua vez de apostar - vá à igreja mais perto de sua casa, ou que fique em caminho, e reze. Reze muito e com muita força e prometa mesmo uma peregrinação ao santuário de Fátima, caso os deuses resolvam estar do seu lado na hora do escrutínio. Depois vá para casa, descanse e não pense mais no assunto. Faça a sua vida de forma completamente normal e aguarde pelo dia de Sábado, o grande dia. Faça tudo aquilo que desejar até à hora do sorteio, principalmente aquelas coisas que nunca mais irá repetir depois de lhe saírem os 32 milhões de euros do prémio. Como comer os restos da pizza do dia anterior, lavar a pilha de loiça que se acumularam durante toda a semana, arrastar o saco do lixo até à rua e depositá-lo ao lado do caixote cheio, assistir à novela num televisor com ecrã mínimo, deitar-se na sua cama estreita e tapar-se com aqueles lençóis já muito puídos e ouvir - até conseguir adormecer - o ronco insuportável do seu companheiro(a), inchado(a) pelo excessivo consumo de "junk food", a única que o seu miserável ordenado consegue pagar. Na manhã de Sábado acorde com um sorriso nos lábios, vista-se com aqueles trapinhos velhos e saia para a rua onde deve ir visitar as lojas de roupa e de todos os artigos que pode ir começando a escolher para dar início à grande transformação que a sua vida irá sofrer mais lá para o fim do dia. Pode mesmo fazer uso do seu cartão de crédito para ir adiantando algumas compras e aproveite para almoçar no Tavares Rico, ou em qualquer outro restaurante caro da nossa praça, pois vai ter de começar a habituar-se à ideia de que esses vão passar a ser os seus locais de eleição a partir do momento em que confirmar a sua sorte. O resto do dia passeie e observe a vivenda ou o apartamento para onde se irá mudar, o carro que vai desejar adquirir ou mesmo o borracho(a) que vai engatar logo após receber os euros do prémio. Chegada a hora do sorteio, sente-se em frente ao velho televisor e faça figas. Ouça os números um por um, as letrinhas e... não desespere. Se não for desta, outros prémios acumulados existirão - afinal este concurso ainda é recente -, outros Sábados de esperança se seguirão e muitas outras hipóteses de ficar rico(a) lhe baterão à porta. É claro que vai ter de pensar no que dizer quando lhe baterem igualmente à porta os fiscais que lhe irão querer cobrar os gastos feitos num determinado Sábado e que nunca chegaram a ser pagos por falta de fundos, mas nisso pensará a seu devido tempo. Até lá, goze o momento e a esperança de poder imaginar que é desta que vai fazer inveja aos seus vizinhos ranhosos. Que na segunda-feira não terá de voltar a sentar-se àquela secretária e atender atrás de um balcão milhentas pessoas maldispostas e furiosas, que descarregam em si a ira de não terem sido eles os felizes contemplados com o magnífico prémio que lhes fugiu por entre os dedos na véspera.

PS: Por lapso, só depois de publicado este post me apercebi de que o sorteio do Euro Milhões é à sexta-feira e não ao Sábado, como por erro referi. Pelo facto peço que antecipem as vossas apostas, se querem que o fim-de-semana seja bem mais rico!
publicado por migalhas às 10:58

Novembro 2004
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
13

14
17
18
20

21
22
23
25
27

28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
facebook
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO